terça-feira, 14 de outubro de 2014

DES]CONTROLA[


Fico me questionando sobre o que temos controle. E encontro várias respostas de coisas que controlamos. Ok, talvez eu seja bem controladora! Mas, pensando mais a fundo, logo percebo que não temos controle de nada.

Desenvolvemos metodologias, indicadores, fórmulas, teses, inúmeras ferramentas para termos controle. Inclusive remédios. Todavia, viver sem limite nenhum de contenção é o mesmo que navegar em mar aberto sem conhecer as estrelas. Porém, daí trilhar por um caminho como se não houvesse curvas em suas retas é provocar dores nas articulações.

Nem tanto aos céus, nem tanto as profundidades terrenas. Não a um caminho do meio, pois entendo esse caminho como sendo muito comum. E para mim ele não tem a menor graça. Sim ao equilíbrio entre experiências onde o controle se traduz em zelo e o descontrole em leveza.

... E por aí seguimos fluindo no tempo da vida...

Nenhum comentário:

Postar um comentário