quinta-feira, 3 de julho de 2014

O gatinho e a D. Chica!



Por vezes não compreendemos o motivo de estarmos envolvidos em determinadas situações, ou, até mesmo, não compreendemos porque temos que lidar com certas pessoas. O questionamento, a dúvida, faz parte da vida e é importante para nos impulsionar a sair da famosa zona de conforto.

Pois bem, você não conhece a Dona Chica, e muito menos entende o porque das pauladas... Quem sabe está na hora de procurá-la e bater um papo, tomar um chá com bolacha, e verificar os motivos para tanta agressão?

Será que o ingênuo gatinho anda aprontando muito por aí e perturbando essa senhora?

Ou será que ela não passa de uma senhora necessitada de carinho, coisa que só um gatinho mimoso pode oferecer?

Suposições sempre surgem em nossa mente, apenas para alimentar mais suposições!

Portanto, olhe para o seu interior e tente reconhecer o gatinho, as vezes ingênuo outras oportunista; e, não deixe de procurar também pela D. Chica e suas cobranças.

Reconhecer todas as nuances do nosso ser é muito importante para o resgate da nossa essência e cura das nossas doenças. Mesmo que, algumas vezes, aquilo que encontraremos não nos agrade. Mas, servirá de força motriz para a mudança e o nascimento de uma consciência mais ampla de si!

Nenhum comentário:

Postar um comentário